O que são doenças sexualmente transmissíveis? Estas doenças são sempre graves? Como nos podemos proteger?

As DST´s, são um conjunto de doenças infecciosas, que se transmitem através das relações sexuais.
As doenças de transmissão sexual são quase sempre graves, aliás como qualquer infecção, se não se tratam a tempo. Algumas delas são até bastante graves, como é por exemplo o caso da SIDA, para a qual não existe cura até ao momento.
É importante sabermos quais são os primeiros sintomas de algumas dessas doenças para serem detectadas logo que apareçam.
A sífilis manifesta-se no principio por uma pequena ferida situada nos órgãos genitais ou na mucosa da boca. Não é dolorosa e desaparece por si, sem que, no entanto, a doenças esteja curada. Ao fim de umas semanas aparece então uma mancha cor-de-rosa alaranjada.
A gonorreia manifesta-se por uma infecção dolorosa e purulenta (com pus) na uretra do homem e na vagina da mulher.
O herpes manifesta-se através de feridas nos órgãos sexuais ou à volta destes. Estas feridas podem ser muito dolorosas com a sensação de ardor. Por vezes o herpes é acompanhado de febre.
A SIDA, síndroma de imunodeficiência adquirida, é a designação para várias doenças que anulam ou modificam a defesa imunológica da pessoa, isto é, ao contrair uma ou mais dessas doenças o organismo perde a capacidade de recuperação.
A SIDA desenvolve-se através da infecção do vírus HIV, através do contacto sexual, sanguíneo e mãe/feto.
Uma maneira muito eficaz de nos protegermos contra as doenças sexualmente transmissíveis é através do uso do preservativo devendo, para aumentar a sua eficácia, usá-lo durante toda a relação.
É muito importante ir a uma consulta sempre que apareça uma doença de pele, sobretudo se esta se situa na zona genital ou na boca. Um corrimento anormal na mulher, uma secreção amarelada no pénis ou uma sensação dolorosa ao urinar são alguns dos sintomas. Há que perder o medo de ir à consulta de ginecologia ou de doenças de transmissão sexual…é tão normal como ir a outra consulta qualquer. As doenças de transmissão sexual podem tratar-se com facilidade se formos rapidamente a uma consulta médica. Não devemos nunca tomar medicamentos por conta própria ou por conselho de pessoas amigas, isto é, não devemos nunca recorrer à automedicação.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: